22 agosto 2010

CADERNETA DE CROMOS

" A Caderneta de Cromos - uma verdadeira enciclopédia radiofónica humorística de tudo o que nos fez espernear de prazer quando tínhamos genuíno vigor nas pernas para as fazer espernear. Será que todos esses pedaços do nosso imaginário ainda nos fazem titilar? E porque é que a palavra "titilar" não é mais usada no dia-a-dia? As respostas a tudo - e talvez ao próprio sentido da vida! - de 2ª à 6ª feira, Às 8h45 e 9h45 com Nuno Markl. "
Fazendo jus às rubricas das manhãs da rádio Comercial, é agora lançado em pré-venda um set com 50 cromos mais a cola Cisne, para os colarmos na respectiva Caderneta/Livro que será lançada a 24/09/2010. Partilhando o gosto nostálgico pelas maravilhas das décadas de 70 e 80, são muitas as afinidades que encontramos com os cromos referenciados.
Querem ver ??

A boa e velha K7

O ratinho mais querido , Topo Gigio
O viciante Tragabolas, quer o jogo, quer a música do anúncio
Os Estrumpfes e a sua salsaparrilha Com a Abelha Maia ,os insectos nunca foram tão bonitos !! Nesquick , ainda sem Quicky, quem o representava era o Cangurik
Nada de filas de hipermercados com canetas à escolha, as alternativas eram a BIC ou a Molin
Dartacão: Lutando contra os inimigos e todos os perigos
As folhinhas que todas as meninas coleccionavam
O set de 24 marcadores era presença obrigatória no início de cada ano escolar
Brinquedo de colocar num pé, enquanto o outro saltava o obstáculo , os mais conhecidos eram a Bota Botilde e o limão
Quem não se lembra dos óculos para assistir ao 1º filme 3D transmitido pela RTP ??

Todos os meninos os tinham às dezenas nas mais diversas cores

Continua ...

2 comentários:

EmmaTheias disse...

Obrigada pela informação, Tom.
Já comprei a caderneta.
beijinho

sd disse...

Penso que o Cangurik será português ao contrário do Quick.